quarta-feira, 12 de agosto de 2009

GDCX - Match Fishing Pole - 1ª partida

O primeiro combate terminou com a vitória das negras, comandadas pelo Mestre Gbsalvio, que em apenas 18 lances liquidou a fatura. Infelizmente não pude acompanhar a partida ao vivo, mas salvei o PGN e mostro agora pra vocês. Os comentários são meus, com supervisão técnica de Ribamar Mota, o homem de lata. Quem quiser acompanhar no visor (em outra tela) é só clicar aqui.

AlvaroFrota 0-1 Gbsalvio
FICS - 10/08/2009 - Partida 1

1. e4 e5 2. Nf3 Nc6 3. Bb5 Nf6 4. O-O Ng4 5. c3 a6 6. Bc4
Sávio considera este lance, que visa f7, como o melhor. Ribamar aponta como mais forte 6. Bxc6 e eu concordo. Eliminar o cavalo permite às brancas o controle sobre a casa d4. Por exemplo dxc6 7. h3 (o imediato 7. d4 merece consideração) 7... h5 e agora ele sugere outros lances, mas eu acho importante seguir com 8. d4 mantendo o bispo negro longe de c5.
6... Bd6
Um bom lance, que tenta justificar e manter o cavalo em g4. 6...Be7 corta o acesso da dama a h4 e tentar manter o esquema FP com 6...Bc5 é perigoso após 7.d4 e 8.h3.
7. d4 h6
O objetivo é proteger g5. Merece consideração o atrevido 7...h5. Ribamar indica 7... O-O, mas seria reconhecer o fracasso do esquema FP.
8. Qe2
Não é que este lance seja ruim, mas a posição precisa de algo mais contundente. Ribamar indica 8.Nf1 ou 8.h3. Eu ficaria com este segundo, que praticamente obriga o cavalo negro a deixar seu posto em g4.
8... Qf6 9. Rd1
Pra manter a vantagem era necessário "cutucar o burro", como comentou o Sávio. Após 9.h3 h5 (forçado) agora, sim 10.Rd1 com boa partida. Pode-se, também, tentar 10. Ng5 entrando em complicações favoráveis às brancas.
9... Qe7
Mais no espírito da FP seria 9...Qg6. Ribamar considera os dois equivalentes.
10. Nbd2
Tudo bem, desenvolveu... mas tá brincando com fogo! Essencial é 10. h3! Se o cavalo negro voltar a f6 o branco tem várias opções de lance e boa partida. Se 10... h5? 11.hxg4 hxg4 12.Ng5 com vantagem decisiva.
10... O-O
O melhor, segundo Ribamar. Sávio, macaco véio, sabe a hora de mudar os planos.
11. a4
Não gosto deste lance. Ainda acho (e Ribamar assina embaixo) que o melhor é 11.h3. Também possível seria 11.Bd3 e 11.Nf1.
11... Re8
Novamente Sávio escolhe o melhor, segundo Ribamar. Ele tem que "se virar" pra reorganizar sua posição.
12. Bd3
Agora o lance 12.h3 era uma necessidade, já que o bispo de d6 aponta pra h2.
12... exd4
Não é o melhor (Ribamar), mas abre um pouco a posição, libera o bispo e faz surgir possibilidades táticas, onde o Sávio é mestre!
13. Nxd4??
Blunder!! Agora ficou claro que o cavalo deveria ter sido expulso de g4. Acho que depois desta o Álvaro vai iniciar suas partidas com 1.h3! Nesta posição Sávio fez um comentário ao seu estilo: se 13. cxd4 eu pretendia Nxd4 14. Nxd4 Bxh2+ 15. Kf1 (se 15. Kh1 Qh4 com forte ataque!) 15... d5 16. exd5 Qd8 com uma partida bem animada!
13... Bxh2+
Mestre Sávio não deixa passar a oportunidade!
14. Kf1 d6
Ribamar diz que 14... d5 é melhor, mas Sávio acabou de tomar a iniciativa e sabe que o jogo já é dele. Escolhe, portanto, o mais simples.
15. Nf5
Eu não acompanhei a partida ao vivo e não sei como estavam os relógios, mas isto cheira a desespero!
15... Bxf5 16. exf5 Qh4
É impressionante como em poucos lances a situação mudou tão drasticamente!
17. Nf3 Rxe2 18. Nxh4 Rxf2+ 0-1




Na posição final uma curiosidade:

O Cavalo-isca estacionou em g4
e lá ficou até o final da partida!




6 comentários:

gbsalvio disse...

Tive muita sorte amigo Masegui, muita...O "cabra" jogou mal e me ajudou muito... Não sei pq mas muita gente tem "medo" de jogar o
h3 , pois sabe que vem ...h5 e em muitos casos não pode engolir a isca de g4, mas no caso desta partida, se jogasse o h3 , ficaria em maus lençóis em muitas variantes. O c3 seguido do Bc4, é muito desagradavel ao negro!
Vamos ver as próximas e ver como ele vai jogar!

Masegui disse...

Sávio,

Eu acho que nesta partida, como está nos comentários, ele deveria ter jogado h3. Tá certo que cria uma debilidade a ser explorada pelo bispo de casas brancas, mas por outro lado as negras terão sempre a preocupação com o cavalo em g4. Em minha opinião você venceu porque joga mais que ele e não pela variante.

ghandy disse...

Mestre Salvio e Masegui,

Concordo com a análise dos dois, acho que o Álvaro estava meio travado, no lance 15 o melhor seria 15. g3, o que vcs acham?

Welton

Alvaro Frota disse...

Prezados:

Começo pelo comentário do Welton: Eu não "estava" meio travado durante a partida. Eu "sou" bastantemente travado quando se trata de Xadrez de competição...

No entanto, acredito que a "novidade" que descobri quando da preparação para o match (6. Bc4 depois de 5. c3) indica o caminho para a refutação da "Fishing Pole".

E posso afirmar com orgulho que a descoberta desse lance (e da concepção estratégica embutida nele) é de minha autoria, até porque os "engines" não gostam muito do lance nem formulam estratégias.

Nesse ponto, discordo do Mário Sérgio. Não é necessário "gastar" o "bispo espanhol" para controlar a casa "d4", visto que as brancas já controlam "d4" de qualquer maneira.

Muito melhor é "mudar a nacionalidade" do bispo, o qual, uma vez "italiano", aponta para "f7" e coloca as negras em um dilema: ou controla "g5" com h6 (abrindo mão do esquema da Fishing Pole) ou defende o cavalo da Fishing Pole com h5 (e aí sofre as consequências do ataque à "f7").

Boa parte das análises do Mário Sérgio ou, sendo mais preciso, todas as vezes que ele indica minhas vacilações em não jogar h3, são argumentos a favor dessa estratégia que elaborei.

O próprio Sávio, em seu comentário, também vem em apoio dessa estratégia.

Para finalisar, agradeço a todos que estão acompanhando esse match temático e em especial ao Mário Sérgio, pelas análises e divulgação aqui no "Recanto".

Quarta feira (20 horas, canal 123 do FICS) tem mais!

Aquele abraço!

Álvaro Frota

Alvaro Frota disse...

Prezadas e prezados:

Passei hoje por aqui, reli os comentários de todos e gostaria de precisar um ponto de meu comentário anterior.

Depois de 1. e4 e5 2. Nf3 Nc6 3. Bb5 Nf6 4. O-O Ng4 5. c3 a6 Mário Sérgio afirma que o melhor para o branco é eliminar o cavalo de "c6" com 6. Bxc6 dxc6 como forma de ter total controle da casa "d4".

Em meu comentário afirmei que "muito melhor" é prosseguir com 6. Bc4, "italianizando" a partida. Lendo o que escrevi, vejo que tal afirmação é bastante exagerada. 6. Bc4 não é "muito melhor" que 6. Bxc6. São dois planos distintos e mais ou menos equivalentes e, em minha opinião, ambos apontam na direção da refutação teórica da Fishing Pole.

Sublinho o "teórica" pois refutá-la na prática contra um forte jogador como o Sávio Perego é bastante difícil...

Aquele abraço!

Álvaro Frota

Masegui disse...

Grande Álvaro!

É mais ou menos por aí, planos distintos.
Eliminar o Cc6 e dominar d4 envolve ainda outra coisa: em algumas variantes este cavalo vem pra d4 e ajuda no ataque, enquanto o Bc4 pode ser atacado por um peão negro em d5, ganhando tempo.